Dia do Comerciante: incentivo que fortalece

Com ações voltadas a comerciantes locais Grupo Mateus fortalece pequenos empreendedores

1/1

Empreender não é uma tarefa fácil, principalmente quando o sonho é grande e os recursos são poucos. Para quem já tem o seu negócio os desafios são outros: como manter o meu empreendimento? Se antes da pandemia causada pela COVID-19 esses questionamentos já eram frequentes, agora eles se tornaram ainda mais recorrentes.


Para se ter ideia, só no Brasil, cerca de 602 mil empresas fecharam as portas recentemente por conta da crise do coronavírus, segundo aponta uma pesquisa realizada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Ainda de acordo com a pesquisa, 10,1 milhões de empresas pararam de funcionar temporariamente, sendo 2,1 milhões por decisão da empresa e 8 milhões por determinação de governo.


No Maranhão a situação se repete e cerca de 30% dos negócios no setor de bares e restaurantes faliram, segundo o sindicato dos empresários. Ao todo, foram mais de 7 mil demissões no setor. 


Incentivo


Preocupado com o crescimento do mercado local o Grupo Mateus vem incentivando os micro e pequenos negócios com ações e campanhas de promocionais, com vantagens para comerciantes. O Canto do Chef, por exemplo, é um deles. Nele, empreendedores do ramo da alimentação podem encontrar produtos dos mais diversos departamentos do Grupo, tudo com preço baixo e com a possibilidade de receber a comprar no conforto do seu negócio. No momento da compra, basta informar o CNPJ da empresa que deve ser do setor de alimentos, para garantir os descontos. Já os pequenos comerciantes contam com os Mix Atacarejos espalhados pelo estado do Maranhão, Pará e Piauí. Ao todo o Grupo já contabiliza 29 Mix Atacarejos. 


Recentemente inaugurado em São Luís, o Mix Atacarejo do Olho D'água não chegou no região apenas trazendo preços baixos, mas também esperança aos pequenos comerciantes. A região é uma das mais populosas da capital e onde se concentra uma parcela significativa de profissionais autônomos atingidos pela crise.  


Com o objetivo de ajudar a reduzir esse impacto, o Grupo Mateus estudou e identificou profissionais que tiveram as atividades interrompidas em razão da pandemia e os presenteou, de surpresa, com carrinhos personalizados para a produção e venda de lanches, além de um cartão Cred Nosso, com crédito de R$500,00. “Os trabalhadores informais foram os que mais sofreram com a pandemia. Por isso, essa iniciativa foi pensada para incentivar o pequeno negócio a não desistir e fazer com que a economia local flua”, enfatizou Ilson Mateus.

Dando continuidade ao seu negócio, Dona Rosicleia Gomes foi uma das pessoas beneficiadas com as doações e garante que agora pode seguir com o seu sonho, o de montar um restaurante e se tornar uma grande empresária. “Estou muito feliz com essa ajuda, estava precisando. Minha venda de lanches já estava fechada há um tempo, mas com esse incentivo posso reabrir e continuar com meu sonho”, garante Rosicleia Gomes, que vende lanches na porta de casa no bairro do Sol e Mar.


Assim com a comerciante, o microempreendedor Ramiro Cajado, morador da cidade de Morros, onde tem uma pizzaria, segue com seu negócio graças ao apoio do Grupo Mateus. “Toda semana venho a São Luís para fazer compras e abastecer a minha pizzaria. No setor do Canto do Chef, encontro tudo para abastecer a despensa e com preço baixo, o que para nós pequenos comerciantes é uma ajuda e tanto”, revela.


Quem também conta com os preços baixos para manter seu negócio é a empresária Amanda Moraes. “Já sou cliente fiel. Como o preço é bem baixo consigo aumentar minha margem de lucro ao vender os produtos e assim consigo manter a venda.  Sem as vantagens do baixo preço poucos comerciantes como eu conseguiriam manter seus negócios”, reconhece a proprietária de um mercado no município de São José de Ribamar, região metropolitana de São Luís.


Apesar da crise, a Dona de Rosicleia, Ramiro e Amanda vão poder comemorar o Dia do Comerciante, celebrado todos os anos no dia 16 de julho, com sorriso largo no rosto, graças ao incentivo do Grupo Mateus. “Trazer mais economia e contribuir para a geração de renda em um momento de instabilidade financeira como o que vivemos é muito gratificante. Não queremos crescer sozinhos, mais sim junto com o comércio local”, reforça Jesuino Martins, vice-presidente do Grupo Mateus.

© 2020 by Takashi Comunicação